• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • Não categorizado
  • hospital
  • resgate 5
  • ouvidoria página externa II
  • Rua Arnaldo Sussekind- II
  • MPT em Quadrinhos: nova edição aborda o racismo e a igualdade no mercado de trabalho
  • II Turma do Curso de Juristas Populares é iniciada em Colíder
  • MPT consegue liminar contra BRF após empregado de empresa prestadora de serviço perder dois dedos em acidente
  • Comitê de Ações Afirmativas aprova destinação de quase um milhão a 15 novos projetos sociais
  • Operação conjunta resgata três trabalhadores e um adolescente de carvoaria
  • Acordo encerra processo que promoveu melhorias para os trabalhadores da coleta de lixo de Sorriso
  • Campanha “#NossoLugarÉLegítimo” será lançada pelo MPT
  • Ouvidoria do MPT em Mato Grosso
  • MPT, MPF e MPE ajuízam ação para proibir uso do glifosato em MT
  • Dos quadrinhos para as telas: MPT lança desenho animado sobre trabalho infantil
  • Em ato simbólico, MPT e Município de Cuiabá homenageiam jurista e trabalhador rural assassinado
  • MPT lança Manual de Boas Práticas para promoção de igualdade de gênero no trabalho

3ª edição da Revista Jurídica Trabalho e Desenvolvimento Humano é lançada

Publicação aborda reflexões sobre diferentes campos das relações laborais em contato com a atualidade

17/01/2020 - A Procuradoria Regional do Trabalho da 15ª Região lançou a 3ª edição da Revista Jurídica Trabalho e Desenvolvimento Humano, consolidando-a como veículo de disseminação do conhecimento qualificado de temas ligados ao mundo do trabalho e aos direitos humanos, produzidos com base em estudos científicos interdisciplinares de autores nacionais e internacionais, aprovados após submissão ao sistema de avaliação duplo-cego por pares.

Imprimir

Acordo encerra processo que promoveu melhorias para os trabalhadores da coleta de lixo de Sorriso

Além das normas de saúde e segurança, a Cooperativa responsável pelo serviço pagará 30 mil reais pelo dano causado à coletividade

07/11/2019 - A Justiça do Trabalho homologou acordo em ação civil pública iniciada há um ano na Vara do Trabalho de Sorriso e que resultou na melhoria das condições de trabalho dos garis que atuam na limpeza urbana e coleta de resíduos do município.

Imprimir

Nova lista suja do trabalho escravo traz 190 pessoas físicas e jurídicas

De responsabilidade do Governo Federal, publicação conta com 28 novos empregadores autuados por submeterem trabalhadores a esta condição

08/10/2019 - Foi publicada na última quinta-feira, 3 de outubro, pelo Governo Federal, a atualização do Cadastro de Empregadores autuados por submeterem trabalhadores a condições análogas à escravidão. De responsabilidade da Secretaria Especial do Trabalho e da Previdência, ligada ao Ministério da Economia, a chamada Lista Suja do Trabalho Escravo conta agora com 190 empregadores e pode ser acessada aqui.

Imprimir

Curso em EaD aborda atuação da rede de acolhimento e atendimento social às vítimas de trabalho escravo

Atividade acontece de 4 de novembro a 2 de dezembro. Inscrição até 30 de setembro

11/09/2019 - Estão abertas as inscrições para o curso “Atuação dos profissionais da rede de acolhimento e atendimento social das vítimas de trabalho escravo”, ofertado na modalidade a distância. Direcionado a profissionais da assistência social municipal e estadual que atendem a trabalhadores resgatados do trabalho escravo, a atividade acontece no período de 4 de novembro a 2 de dezembro, no Ambiente Virtual de Aprendizagem da ESMPU.

Imprimir

Creche e Corpo de Bombeiros de Barra do Garças são beneficiados com recursos destinados pela Justiça do Trabalho e MPT

A liberação dos valores marca o fim de processo no qual o Frigorífico JBS foi condenado por dano moral coletivo por descumprir normas referente à jornada de seus empregados

06/09/2019 - As crianças da creche Imaculada Conceição e os bombeiros da 1ª Companhia Independente da Polícia Militar, ambos localizados na cidade de Barra do Garças, foram beneficiados com um total de 125 mil reais liberado este mês pela Justiça do Trabalho.

Imprimir

  • banner abnt
  • banner transparencia
  • banner pcdlegal
  • banner mptambiental
  • banner trabalholegal
  • banner radio
  • Portal de Direitos Coletivos